‘Vade Retro’ começa a ser gravada na próxima semana

Por LÍGIA MESQUITA

A Globo inicia na próxima semana, em São Paulo, as gravações de “Vade Retro”, minissérie de Alexandre Machado e Fernanda Young, com direção artística de Mauro Mendonça Filho.

A trama, com produção da O2 Filmes, está prevista para estrear em abril de 2017.

A ideia, segundo os autores, é discutir questões éticas inerentes ao ser humano.

Na história, Tony Ramos interpretará Abel Zebu, um empresário sem escrúpulos, que só pensa em si em seduzir os outros para alcançar seus objetivos.

Uma de suas “vítimas” será a advogada interpretada por Monica Iozzi, a boazinha Celeste. Ele contratará a moça, que mora com a mãe e não tem clientes em seu escritório, para cuidar de seu divórcio.

Com o passar do tempo, ele demonstrará que deseja que Celeste gere seu herdeiro.

Também estão no elenco Maria Luisa Mendonça (Lucy), Cecília Homem de Mello (Leda), Maria Casadevall (Lilith), Juliano Cazarré (Davi) e Luciana Paes (Kika).

 

(Gabriel Gabe/Divulgação)
>> DA VOVÓ Mira Haar, a Dona Nina de ‘Cúmplices de Um Resgate’, será jurada especial do ‘Bake Off’ (SBT) neste sábado (23); os participantes terão que fazer bolos que lembrem as avós (Gabriel Gabe/Divulgação)

Deu ruim A FOX decidiu deixar o projeto da minissérie sobre os “Mamonas Assassinas”, da Record. O canal pago exibiria a produção em uma segunda janela.

 

Espera A Record “desmobilizou” a equipe da minissérie porque a Ancine ainda não liberou a captação dos R$ 4,6 milhões previstos para o projeto. A produção é da Endemol Shine, via produtora OSS.

 

Pre-pa-ra Anitta admitiu que sente ciúmes do irmão com a mãe no “Tamanho Família” (Globo) que vai ao ar neste domingo (24). “Ela fala que não, mas prefere ele. Não tem problema, eu a amo mesmo assim. É afinidade”, brinca.

11,3 pontos
foi a média de audiência no Ibope da Grande SP (cada ponto equivale a 197,8 mil espectadores) de “Escrava Mãe” (Record), nesta segunda (18).

Inferno sem diabo Carlos Bertolazzi, que foi substituído pela chef Danielle Dahoui na apresentação do reality “Hell’s Kitchen” (SBT), diz não ter ficado chateado com a troca. “Queriam deixar o programa mais leve, light. E comigo no comando isso não seria viável, não é minha personalidade. Não é o que eu mostrei nas duas primeiras temporadas”, fala. O chef continuará contratado da emissora, para fazer outros projetos.