TV aberta perde público em ano de Copa e eleições

Por Folha

Em ano de Copa e eleições, o número de televisores ligados aumentou 2% no país, mas praticamente todas as redes abertas perderam público com relação a 2013.

Dados da medição nacional de audiência do Ibope mostram que de janeiro a dezembro (dia 16) de 2014, a média diária (das 7h à meia-noite) da Globo foi de 15,1 pontos, ante 16,3 pontos do mesmo período em 2013. A emissora teve uma queda de 7% de ibope em um ano. Cada ponto equivale a 217 mil domicílios ou 641 mil indivíduos no país.

A Record perdeu cerca de 4% de audiência, indo de 5,6 pontos para 5,4 pontos neste ano. O SBT caiu um pouquinho. Marcou em 2014 média de 5,1 pontos ante 5,2 pontos do ano anterior.

A queda da Band foi de cerca de 10%, registrando neste ano 2,1 pontos. Em 2013, o canal marcou média diária de 2,3 pontos. A RedeTV! manteve média de 0,7 ponto nos dois anos.

Já a audiência dos OCNs, a soma dos canais pagos e emissora menores (UHF), cresceu cerca de 27% em 2014.

O horário em que a TV por assinatura mais cresceu foi o noturno, das 18h à meia-noite: 28%.

Foi justamente neste horário nobre que a TV aberta perdeu mais público. Só a Globo teve uma queda de 11% de audiência à noite.

 

Nacional A Agência Nacional do Cinema (Ancine) anuncia nesta semana mais um pacote de recursos para o programa Brasil de Todas as Telas, que investe em produção de filmes e séries brasileiras.

Nacional 2 De um total de R$ 27 milhões, R$ 11,5 milhões serão destinados a 13 projetos de televisão: oito séries/documentários, quatro séries de ficção e um telefilme documentário.

Nacional 3 Entre os projetos selecionados pela Ancine estão “Onde Nascem as Ideias”, da Samba Filmes para o canal Curta, “Muito Além do Medo”, da Medialand para a MGM, e “Amor de 4 ”, da Caravela Fillmes, para o Canal Brasil.

Duelo Sem alarde, a Globosat renovou o seu contrato com a operadora de TV paga Sky.

Duelo 2 A negociação se arrastou por cinco meses pois as empresas não se entendiam com relação ao valor pago pela operadora à Globosat, que está na casa dos R$ 12 por assinante, cerca de R$ 60 milhões mensais.

Duelo 3 Em 2015, haverá mais negociações na TV paga, pois vence o contrato da Globosat com a Net.

Troféu Vivian Mesquita, apresentadora da ESPN, foi convidada para ser jurada do Prêmio Laureus World Sports, um dos mais importantes do calendário esportivo.